Pelas veredas de Vitória da Conquista

Em 2007 a gente reuniu um grupinho de adolescentes e fomos dar um passeio pelas veredas de Vitória da Conquista. Na verdade, tínhamos um objetivo bem delineado: Encontrar uma cachoeira que segundo informações ficava acerca de no máximo 6 km da Urbis VI.

BODY { FONT-FAMILY:Tahoma; FONT-SIZE:10pt } P { FONT-FAMILY:Tahoma; FONT-SIZE:10pt } DIV { FONT-FAMILY:Tahoma; FONT-SIZE:10pt } TD { FONT-FAMILY:Tahoma; FONT-SIZE:10pt } E lá fomos nós, lanches e mochilas à busca de aventuras! Éramos só motivação! Ansiedade e espanto, cachoeira? Em Conquista e próxima do núcleo urbano? Quero prova (como diz a Pink, uma velha amiga que conheci ainda outro dia).

BODY { FONT-FAMILY:Tahoma; FONT-SIZE:10pt } P { FONT-FAMILY:Tahoma; FONT-SIZE:10pt } DIV { FONT-FAMILY:Tahoma; FONT-SIZE:10pt } TD { FONT-FAMILY:Tahoma; FONT-SIZE:10pt } Também achei improcendente aquela possibilidade, porém, o que tínhamos a perder em passear um pouco junto à natureza?! De qualquer forma, sair de casa em uma manhã de domingo com um sol daqueles… Era uma boa pedida.

BODY { FONT-FAMILY:Tahoma; FONT-SIZE:10pt } P { FONT-FAMILY:Tahoma; FONT-SIZE:10pt } DIV { FONT-FAMILY:Tahoma; FONT-SIZE:10pt } TD { FONT-FAMILY:Tahoma; FONT-SIZE:10pt } E lá fomos nós de andada, ânimos exaltados achando em cada galho seco um mote pra poesia… Em volta de nós, vegetação de caatinga, árvores baixas, uma ou outra ainda verde e espinho, muito espinho. Também chamou atenção da molecada as imensas áreas de pasto. E aí era pretexto pra gente analisar o impacto ambiental, o latinfúndio e outras coisitas assim…

BODY { FONT-FAMILY:Tahoma; FONT-SIZE:10pt } P { FONT-FAMILY:Tahoma; FONT-SIZE:10pt } DIV { FONT-FAMILY:Tahoma; FONT-SIZE:10pt } TD { FONT-FAMILY:Tahoma; FONT-SIZE:10pt } Depois de termos caminhado bastante avistamos um veio d’água e uma pequenina queda.
Um lugar bonito! Seria mais se não fosse o assoreamento provocado pela terra desprotegida. Ficamos animados, mas nos recusamos a imaginar que ali estava a cachoeira que buscávamos.

Resolvemos então continuar nossas buscas. Foi em vão. A cachoeira era qauilo tudo que tínhamos visto… O jeito foi relaxar e aproveitar! Afinal, de qualquer maneira estava sendo um dia inusitado e muito divertido.

Causo contado… Segue a tropa!!!!

Inté mais vê!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s