O exemplo de Maria Luíza

Ontem estivemos começando uma sessão de entrevistas com a Srª Maria Luiza. Esta série que iniciamos com a depoente foi iniciativa que partiu da própria Maria Luíza. A mesma, nos solicitou os registros de suas memórias, bem como a de seus parentes, sobre a rancharia pertencente ao seu pai Célio Alves de Sousa Filho, que servia, principalmente a tropeiros que ligavam Bahia à Minas Gerais. Transcrição do relato no blog da Catrop. 

Siga você também este exemplo. Tem uma experiência interessante de algum antepassado seu em relação às memórias e histórias de Vitória da Conquista? Que tal uma entrevista? Entre em contato: carreirodetropa@gmail.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s